Câmara Municipal de São Paulo
Palácio Anchieta - Viaduto Jacareí, 100

11º Andar - Sala 1112 - CEP 01319-900
Tels.: (11) 3396-4264 / 4001 / 4002 / 4003

São Paulo - SP

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
1024px-WhatsApp_logo-color-vertical.svg_

Vila São José comemora 100 anos com Sessão Solene promovida pelo vereador Arselino Tatto

As famílias Schunck, Reimberg e Roschel receberam honrarias em agradecimento à fundação do bairro

 Vereador Arselino Tatto é autor do PL que institui oficialmente o aniversário da Vila São José

 

 

O bairro de Vila São José, localizado no extremo sul da cidade de São Paulo, comemorou, no mês de agosto, 100 anos de existência.

 

Para celebrar a data, o vereador Arselino Tatto promoveu uma Sessão Solene, realizada no dia 31 de agosto, para homenagear as famílias Schunck, Reimberg e Roschel, fundadoras do bairro.

 

 

Alemães e italianos vieram para o Brasil com a promessa de conquistar terras próprias e riquezas. Juntaram-se aos nordestinos que viviam na região e se estabeleceram em busca de uma vida melhor. Assim foi fundada a Vila São José que em breve terá o seu aniversário reconhecido oficialmente no calendário de eventos da cidade de São Paulo. Por meio do projeto de lei 384/19 apresentado pelo vereador Arselino Tatto, na Câmara Municipal, será instituído o dia 28 de abril como data oficial do bairro.

 

“Eles desbravaram aqui, sofreram muito e acabaram construindo uma verdadeira cidade, geraram emprego, distribuição de renda e iniciaram toda a luta pela urbanização dessa região, estou muito feliz em poder fazer esta homenagem e retribuir um pouco do que fizeram pelo nosso bairro”, declarou o vereador Arselino Tatto, autor da homenagem.

 

Toda essa história foi contada em detalhes aos mais de 1000 moradores que aplaudiram a iniciativa do vereador Arselino Tatto pela entrega da honraria de Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão da cidade de São Paulo à Yolanda Aparecida Reimberg, Benedito Luiz Roschel, Apparecida Hessel Schunck e Henrique Hessel Roschel, moradores e fundadores do bairro, por contribuírem para o crescimento e desenvolvimento da Vila São José.

 

Entrega de Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão aos fundadores do bairro

 

 

 

 

Um dos momentos mais emocionantes foi a exibição de um documentário, cedido pela PASCOM – Pastoral de Comunicação da Paróquia São José, que mostrou depoimentos e fotos da fundação do bairro, relembrando lutas e conquistas.

 

O evento foi finalizado com uma bela queima de fogos à altura da celebração dos 100 anos da Vila São José.

 

 Bateria do Samba da Zimba fez todo mundo sambar

 

Além da Sessão Solene, os moradores prestigiaram a apresentação de shows artísticos promovidos pela Associação de Moradores do Jardim Universitário, organizadora do evento de 100 anos da Vila São José.

 

A bateria da escola “Samba da Zimba” contagiou a comunidade e fez todo mundo cair no samba. Também passou pelo palco o grupo Pagode da Madrinha, além de artistas regionais.

 

A Associação do Jardim Universitário deu ainda um show de solidariedade ao arrecadar alimentos e agasalhos que foram doados às famílias carentes da região.

 

Willian Dias, um dos organizadores da festa

 

 

Sobre a Vila São José

 

A Vila São José teve sua formação na edificação da Capela São José em uma área doada por José Schunck, um dos filhos dos primeiros imigrantes alemães que desembarcaram no Porto de Santos e se estabeleceram na zona sul da Cidade de São Paulo. Ele foi responsável pelo desenvolvimento da região. O terreno para construção da Igreja foi doado por ele, no ano de 1914 e sua inauguração ocorreu em 28 de abril de 1919. As famílias Schunck, Reimberg, Rochel e Poleti se estabeleceram na região, fixaram raízes e lutaram por melhorias no bairro como a pavimentação de ruas, implantação de rede de água, esgoto e energia elétrica. A comunidade da igreja São José foi essencial para a construção do bairro, razão da data escolhida para fundação do bairro.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload